Documentos imposto de renda 2019 – Machado Corrêa

Documentos imposto de renda 2019

Documentos imposto de renda
Documentos Imposto de Renda 






Antes de iniciar no assunto principal precisamos fazer algumas considerações a respeito de quem deverá realizar a declaração do imposto de renda no ano de 2019. Em primeiro momento iremos analisar as suas deduções, o enquadramento de quem deve declarar e por fim os documentos que deverão ter em mãos para que consiga enviar sua declaração. 


Observo que cada pessoa tem suas particularidades e poderá ocorrer de algumas situações precisarem de mais documentos não relacionados abaixo.

Principais Deduções:

Despesas com educação
Despesas com saúde, pensão alimentícia e contribuição INSS não tem limite
Previdência Privada 12% da renda bruta anual
Quem deve declara?





- Você que recebeu valores acima de R$ 28.559,70.
- Recebeu rendimentos isentos, não tributáveis acima de R$40.000,00
- Teve posse ou propriedade de bens ou direitos acima de R$300.000,00
- Obteve Ganho de Capital na venda de bens ou direitos sujeito ao IR
- Realizou operações na Bolsa de Valores
- Teve receita bruta de atividade rural acima R$ 128.308,50
- Deseja compensar prejuízos de anos anteriores na atividade Rural
- Obteve isenção a ser residente no país e estava nesta situação em 31/12

Documentos para fazer a declaração:

- Cópia da declaração de IR de 2018
- Informes de Rendimentos das Fontes Pagadoras
- Cópias de recibos/ notas fiscais fornecidos a clientes/pacientes
- Livro caixa
- Informe de Rendimentos INSS ou Previdência Privada
- Informes de Rendimentos fornecidos pelos Bancos
- Informes de pagamento de Contribuição para Previdência Privada
- Recibo de Pagamentos de Despesas Escolares
- Recibos de Aluguéis Pagos ou Recebidos
- Nome e CPF dos Beneficiários de Despesas com Saúde
- Nome e CNPJ dos Beneficiários de Pagamentos a Pessoas Jurídicas
- Nome e CPF dos beneficiários de Doações/ou Heranças
- Nome e CPF dos dependentes maiores de 8 ano
- Nome e CPF de EX- Cônjuges e Filhos
- Dados do empregado Doméstico com Recolhimentos ao INSS
- Escrituras, Compromissos de compra ou venda de imóveis
- Documentos de compra ou venda de veículos
- Documentos de compra de bens por consórcio
- Documentos sobre Rescisões trabalhistas

Resumo 


Além dos dados pessoais atualizado nome, endereço completo, titulo de eleitor, data de nascimento, CPF, RG, Profissão. Vamos separar para entender melhor de acordo com que você irá encontrar no sistema de Imposto de Renda versão 2019.   
Informes de Rendimentos
  1. Informes de Rendimentos de instituições financeiras, inclusive corretora de valores;
  2. Informes de Rendimentos de Salários, Pró Labore(para quem não sabe é o salário do empresário), Distribuição de Lucros*, aposentadoria, pensões(aqui a uma mera confusão, somente é válido para dedução a que são determinadas em ambiente judicial), etc;
  3. Informes de Rendimentos de aluguéis móveis e imóveis recebidos etc.;
  4. Informações e documentos de outras rendas percebidas no exercício de 2018, tais como doações, heranças, dentre outras;
  5. Livro Caixa e DARFs de Carnê-Leão;
  6. Informes de Rendimentos de participações de programas fiscais(alguns estados brasileiros fazem campanhas, por exemplo da Nota Fiscal)  
Bens e direitos
  1. Documentos comprobatórios da venda e venda de bens e direitos ocorridas em 2018. Preste muito atenção que estamos falamos exclusivamente de atos ou fatos que ocorreram no ano de 201.
Dívidas e ônus
  1. Documentos comprobatórios da aquisição de dívidas e ônus no ano de 2018.
Rendas variáveis
  1. Controle de compra e venda de ações, inclusive com a apuração mensal de imposto(indispensável para o cálculo do Imposto de Renda sobre Renda Variável);
  2. DARFs de Renda Variável.
Pagamentos e deduções efetuadas
  1. Recibos de Pagamentos de Plano de Saúde (com CNPJ da empresa emissora);
  2. Despesas médicas e odontológicas em geral (com CNPJ da empresa emissora);
  3. Comprovantes de despesas com educação (com CNPJ da empresa emissora, com a indicação do aluno);
  4. Comprovante de pagamento de previdência social e privada (com CNPJ da empresa emissora);
  5. Recibos de doações efetuadas;
  6. Recibos de empregada doméstica (apenas uma), contendo número NIT;
  7. Recibos de pagamentos efetuados a prestadores de serviços.
  8. OBS. caso tenham realizado consultas médicas, odontológicas, psicológicas com profissionais liberais, os seus respectivos CPF e nº Credenciamento de Classe. 
Separar também informações gerais

  1. Nome, CPF, grau de parentesco e data de nascimento dos dependentes;
  2. Endereços atualizados;
  3. Cópia completa da última Declaração de Imposto de Renda Pessoas Física entregue;
  4. Dados da conta para restituição ou débitos das cotas de imposto apurado, caso haja;
  5. Atividade profissional exercida atualmente.
  6. Este ano de 2019 os CPF's dos dependentes serão obrigatórios independente de idade. Mais um item que demanda atenção. 


Caso queira que façamos a sua declaração imposto de renda 2019, entre em contato conosco.